A estrela do tênis número 1 do mundo Novak Djokovic tem entrada negada na Austrália e deve ser deportado

0
278
Novak Djokovic posando para foto em aeroporto antes de embarcar para Austrália

Novak Djokovic, a estrela do tênis número 1 do mundo, teve sua entrada negada na Austrália nesta quinta-feira (6) – no fuso horário local – após receber inicialmente uma isenção médica para os requisitos de vacinação de Covid-19 do país para que pudesse jogar no Aberto da Austrália.

O astro do tênis, que ficou “preso” no aeroporto Tullamanrien, em Melbourne, durante a noite, recebeu uma carta do governo australiano dizendo que seu visto havia sido negado e que ele seria deportado, disse uma fonte próxima ao torneio à Reuters.

O tenista entrou com um pedido de liminar para impedir sua deportação, segundo informou a fonte

Djokovic poderá ficar na Austrália por pelo menos até a próxima segunda-feira (10), quando a Justiça jugará o recurso apresentado pelos seus advogados.

O primeiro-ministro australiano, Scott Morrison, disse nesta quinta-feira (6) (no horário local) que “ninguém está acima das regras” depois que a força fronteiriça cancelou o visto de Djokovic.

“O visto de Djokovic foi cancelado. Regras são regras, especialmente quando se trata de nossas fronteiras. Ninguém está acima dessas regras”, disse Morrison em um tweet.

O jogador de tênis número um do mundo, foi inicialmente concedido uma isenção médica dos requisitos de vacinação Covid-19 do país para jogar no Aberto da Austrália.

Fonte: CNN Brasil