Brigada Militar impede plano de fuga de apenados da Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas

0
59

Veículo foi localizado pelo efetivo do 28º BPM na ERS 401 com planos em detalhes

A Brigada Militar impediu na manhã desta quinta-feira a execução de um plano de resgate de dois apenados que estão atualmente recolhidos na Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas (Pasc). Um deles é o criminoso de alta periculosidade conhecido como Fábio do Gás, que comanda o tráfico de drogas em Rio Grande e tem ligação com a facção Os Manos. Ele fez parte dos detentos transferidos na operação Pulso Firme em julho de 2017 para penitenciárias federais, mas retornou em agosto de 2018. Já o outro tem apelido de Foca, parceiro dele.

Alertado sobre a presença suspeita de um automóvel pelo setor de inteligência da Divisão de Segurança e Escolta (DSE) da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) que monitorava o caminho de uma escolta para Porto Alegre, o efetivo do 28º BPM localizou um Kia Cerato, de cor prata, no acostamento da ERS 401, em Charqueadas. No interior do veículo, os policiais militares encontraram o plano de resgate dos detentos, com mapas, detalhes e esquemas do ataque e rotas de fugas, bem como imagens da Pasc. Dois coletes balísticos e munições de fuzil calibre 556 também foram apreendidos. Não houve prisões. A Polícia Rodoviária Federal prestou apoio depois à Brigada Militar na ocorrência.

Conforme o plano, um posto de combustível seria explodido às margens da rodovia, perto da ponte sobre o rio Jacuí, na região onde fica o complexo prisional de Charqueadas. Explosivos seriam detonados junto à Pasc. Grupos fortemente armados com fuzis e pistolas atirariam na guarda externa do estabelecimento prisional e fariam a contenção no entorno. Já um helicóptero realizaria o resgate dos apenados em local previamente definido nas imediações. Um caminhão tanque seria incendiado para impedir a aproximação de viaturas. A rota de fuga possivelmente dos envolvidos incluiria Lajeado e Ronda Alta, sendo citada até a cidade paraguaia de Ciudad del Este, na fronteira com Foz do Iguaçu, no Paraná.

Fonte: Correio do Povo