Covid-19: número de casos cai para 36, mas número de óbitos aumenta para 50

0
28

Pelo terceiro dia consecutivo, Panambi registrou queda de casos diários de Covid-19. Foram 36 registros novos nesta quarta-feira (17), uma queda de mais de 40% em relação a terça-feira (16).

Com isso, o total de ativos caiu de 366 para 302 e o número de recuperados subiu para 3.595, 91% do total de 3.947 infectados desde o início da pandemia.

Porém, enquanto o contágio diminui, o número de óbitos voltou a aumentar. Mais duas mortes foram confirmadas, elevando o total para 50. As novas vítimas são:

  • 49º óbito: mulher de 67 anos que estava internada no Hospital de Panambi e faleceu nesta terça, dia 16.
  • 50º óbito: mulher de 62 anos que estava internada no Hospital de Panambi e faleceu nesta quarta, dia 17.

A região Covid de Ijuí (R13) registrou cinco óbitos, totalizando 248. Foram 229 casos confirmados em 24 horas, elevando o total para 18.230. Ijuí foi a cidade com maior número de casos, 94, quase três vezes mais que o registrado em Panambi.

UTI ativa, mas espera continua

O Hospital de Panambi está com 33 pessoas internadas na Ala Covid-19. Destas, duas já encontram-se internadas na Unidade de Tratamento Intensivo provisório da casa de saúde, inaugurado nesta quarta. Outros três devem ser transferidos nas próximas horas. No entanto, estes cinco pacientes seguem cadastrados no Sistema de Gerenciamento de Internações (Gerint) para vaga em leito em outro hospital.

Com o colapso no sistema de saúde, 298 gaúchos internados em estado grave aguardam entrada em UTI.

Há 3.498 pacientes para 3.195 leitos, ou seja, 303 estão em unidades improvisadas. Do total de pacientes, 2.520 (72%) são pessoas diagnosticadas com coronavírus.

A taxa de ocupação na rede pública é de 99,8% (há apenas cinco disponíveis), enquanto que na rede privada é de 134,5%. Fora da UTI, 6.169 dos 7.450 leitos Covid-19 (82,8%) estão ocupados. E dos 3.195 respiradores em UTI adulto, 2.690 (84,2%) estão sendo utilizados.

Na Região Covid de Ijuí (R13), a taxa de ocupação nos leitos de UTI do SUS é de 102,9% e na privada de 95,7%. Dos 58 pacientes internados na unidade de tratamento intensivo, 54 (93,1%) estão diagnosticados com Covid-19.