Covid-19: Panambi registra 17 casos nesta terça-feira (11)

0
102

Panambi registrou 17 casos nesta terça-feira (11). Ao todo, 7 homens (13 a 81 anos) e 10 mulheres (12 a 91 anos) testaram positivo para a doença.

Com as novas confirmações, Panambi atingiu a marca das 4.800 pessoas infectadas desde o início da pandemia. Destes, 4.610 (96%) são considerados recuperados e 100 em recuperação (casos ativos). Há ainda 8 exames RT-PCR aguardando resultado do Laboratório Central de Saúde Pública do Rio Grande do Sul.

A região registrou 93 casos nesta terça. Destes, 26 foram registrados em Ijuí e 3 em Condor. Ao todo, os vinte municípios da região já registraram 23.035 casos. Nenhum óbito foi registrado na região nas últimas 24 horas.

Internações

Com a elevação no número de casos de Covid-19 nos últimos dias, a quantidade de pacientes internados no Hospital de Panambi chegou a 13 nesta terça-feira (11).

Destes, cinco estão internados na Unidade de Tratamento Intensivo. Ou seja, todos estão ocupados. Não foi divulgado quantas pessoas estão intubadas neste momento ou se há algum paciente aguardando transferência para outra UTI.

Os demais, 8, permanecem na enfermaria da Ala Covid.

Em nota, o Hospital de Panambi reforça à comunidade panambiense a necessidade de evitar aglomerações e manter todos os protocolos de prevenção à Covid-19.

“O cenário a nível estadual continua muito grave, com as internações, especialmente de UTI, lotadas, além da escassez de medicamentos, especialmente de anestésicos e relaxantes musculares, essenciais para os pacientes em UTI”, alerta a casa de saúde.

Há ainda cinco panambienses internados em leitos de UTI do Hospital da Unimed (Ijuí) e um no Hospital Santa Lúcia (Cruz Alta).

Fora da UTI, há três pessoas internadas na enfermaria do Hospital de Caridade de Ijuí, Hospital da Unimed e Hospital das Clínicas de Passo Fundo.

A região está com 62 pacientes internados em UTI. Destes, 45 (72,6%) estão diagnosticados com Covid-19. A taxa de ocupação na rede pública é de 87% (47 pacientes para 54 leitos) e na privada aumentou para 78,9% (15 pacientes para 19 leitos. Ao todo, há 11 leitos livres na região.