Criança agredida e torturada pela mãe e o padrasto é resgatada em Canoas

0
85

Após uma denúncia anônima, a equipe da Delegacia Especializada de Proteção à Criança de Canoas conseguiu resgatar, na manhã desta quarta-feira (18), um menino que era torturado pela própria mãe e pelo padrasto.

Segundo o diretor da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana, Mario Souza, a vítima era submetida a uma rotina de agressões físicas e psicológicas. Quando a criança foi encontrada, ela apresentava hematomas no corpo e queimaduras nas mãos. Mensagens obtidas no celular da investigada revelaram que o menino passava dias acorrentado.

Em uma das conversas, a mãe da vítima disse para o namorado que o filho estava preso há dias. A acusada complementou, dizendo que tinha um plano para a criança e que cogitava levá-lo ao hospital. Ela pretendia dizer que a vítima apresentava sintomas como enjoo e diarreia – o que, na sua opinião, garantiria alguns dias de internação para o menino.

Tanto a mãe, quanto o padrasto foram presos preventivamente. Representante do Conselho Tutelar de Canoas, que participaram da mobilização coordenada pela Polícia Civil, optaram por deixar a vítima na casa dos seus avós maternos.

Fonte: Rede Pampa