Entre a noite de segunda-feira (19) e a madrugada de terça-feira (20), a Brigada Militar de Ijuí realizou a prisão de três pessoas.

0
45

Durante a madrugada desta terça-feira (20), guardas do Policiamento Ostensivo da Brigada Militar de Ijuí, durante um patrulhamento de rotina no centro da cidade, abordaram na via pública um indivíduo suspeito.

Após consulta ao sistema informatizado, viram que se tratava de um homem de 41 anos natural de Ijuí, com diversos antecedentes criminais e havia um mandado de prisão pela comarca de Ijuí.

Diante do fato os policiais deram voz de prisão ao acusado, que foi encaminhado até a UPA para exames de saúde e posteriormente entregue na Penitenciária Modulada de Ijuí.

Já na noite de segunda-feira (19), após a Brigada Militar receber informações sobre um indivíduo suspeito que estaria se escondendo no pátio de uma residência localizada na Rua Mariano de Matos no Bairro da Penha, guardas do Policiamento Ostensivo da 29º Brigada Policial Militar foi deslocada ao local.

Os policiais abordaram o suspeito que foi identificado como sendo um homem de 56 anos, natural de Redentora-RS, com antecedentes criminais por furto, porte ilegal de arma, posse de entorpecentes, roubos a estabelecimentos comerciais, extorsão, tráfico de entorpecentes, homicídio e outros crimes. Ao consultar seus dados no sistema informatizado, foi constatado que ele não havia retornado ao Instituto penal após ter saído para o serviço externo.

O abordado resistiu à policial sendo necessário o uso moderado da força para contê-lo.

Diante dos fatos os policiais deram voz de prisão ao indivíduo que foi conduzido até a UPA para realização de exames de saúde, e em seguida apresentado na Delegacia de Polícia para o registro do fato e posterior condução para a Penitenciária Modulada Estadual de Ijuí.

Ainda na segunda-feira (19), guardas da Força Tática da Brigada Militar de Ijuí quando em patrulhamento de rotina abordou um indivíduo suspeito na Av. Cel. Dico, no centro da cidade.

Ele foi identificado como sendo um homem de 55 anos, natural de Palmeira das Missões, com diversos antecedentes criminais por ameaça, lesão corporal, porte ilegal e arma de fogo e passagem pelo sistema prisional. Ao consultar seus dados no sistema informatizado, foi constatado que havia um mandado de prisão pela comarca de Ijuí em virtude da Lei Maria da Penha.

Diante dos fatos os policiais deram voz de prisão ao indivíduo que foi conduzido até a UPA para realização de exames de saúde, e em seguida entregue na Penitenciária Modulada Estadual de Ijuí.