Escolas da rede municipal de ensino de Panambi e região da Amuplam não terão mais aulas presenciais em 2020

0
39

Em entrevista ao Programa Café da Tarde da Sulbrasileira, ontem (09), os prefeitos, de Panambi, Daniel Hinnah e de Pejuçara Eduardo Buzzatti que preside a Amuplam confirmaram que, as aulas presenciais nas escolas públicas de Panambi e região estão suspensas até o dia 31 de dezembro de 2020. Revelaram que a decisão foi tomada na manhã da quinta-feira (09), em reunião virtual envolvendo os administradores municipais da Associação dos Municípios do Planalto Médio, (Amuplam).
Segundo os prefeitos, as aulas em educandários municipais não vão ser retomadas neste ano na modalidade presencial. Sobre as escolas estaduais, o prefeito de Panambi, Daniel Hinnah informou que as prefeituras não têm gerência sobre a realização das aulas.
Já o residente da Amuplam revelou que, os prefeitos definirão as regras sanitárias que impedirão a reabertura dos educandários, mesmo que o governo do Estado defina pela retomada de atividades presenciais. Além da óbvia questão da pandemia, na qual o número de novos casos e óbitos voltou a crescer na região, existe ainda a preocupação com o transporte escolar. Isso porque o governo estadual não tem repassado os valores às prefeituras, que teriam que arcar sozinhas com o transporte de alunos das escolas estaduais.
Sobre o funcionamento das escolas particulares, cada município ficará livre para fazer suas próprias definições. A decisão tomada na manhã da sexta-feira, segundo o prefeito de Panambi, Daniel Hinnah, foi unânime, onde todos os prefeitos optaram pela suspensão das aulas presenciais na região neste ano de 2020.