Governador sanciona lei que torna Panambi a Cidade do Käsekuchen

0
28

Expectativa é de que o reconhecimento fortaleça a comercialização do produto e o turismo gastronômico

Sob os olhares animados de uma comitiva de Panambi, o governador Ranolfo Vieira Júnior divulgou, nesta segunda-feira, 18 de julho, a Lei Estadual nº 15.830 que reconhece Panambi “Cidade do Käsekuchen” e o dia 24 de julho como o dia do Käsekuchen e inclui a data no calendário oficial de eventos do Estado do Rio Grande do Sul.

O projeto de Lei de autoria do deputado Clair Kuhn (MDB), foi aprovado por unanimidade no último semestre na Assembleia Legislativa.

O governador destacou a importância do registro da marca da cidade e disse que espera que a lei sirva como instrumento de agregação de valor e renda tanto no campo quanto na cidade. Também o prefeito Daniel Hinnah, expressou “Que este projeto além de valorizar a cultura e as origens, tenha um significado de desenvolvimento de toda essa cadeia produtiva”.

Para o deputado Clair Kuhn, o “título” é uma forma de destacar mais o município que tem alcançado tantas conquistas. “É valorização dos agricultores, dos pesquisadores, dos produtores nas padarias, de todos os que se dedicaram da manutenção e aperfeiçoamento dessa cultura, especialidade de Panambi”, disse Kuhn.

A cerimônia contou com representantes da Aprokas – Associação dos Produtores de Käsekuchen, com seus filhos, além do secretário de Desenvolvimento Econômico e Ambiental de Panambi, Rafael Jacques de Oliveira. Também a primeira-dama Scheila de Azevedo Hinnah e o filho Lucas prestigiaram o ato.

Créditos das fotos: Itamar Aguiar / Palácio Piratini