Juiz determina liberação de Djokovic e anula cancelamento de visto

0
148
Foto: Justin Setterfield/Getty Images

O juiz Anthony Kelly anulou a decisão do governo australiano de cancelar o visto de Novak Djokovic e ordenou que o tenista sérvio seja liberado da instalação de detenção temporária.

O réu – neste caso, o Ministério de Assuntos Internos da Austrália – deve pagar os custos de Djokovic conforme acordado ou avaliado, acrescentou a ordem. Todos os seus pertences, incluindo o passaporte, devem ser devolvidos a ele “assim que for razoavelmente praticável”.

A decisão foi tomada oficialmente às 17:16, horário local (03:16 horáiro de Brasília), disse Kelly.

Depois que o juiz proferiu sua decisão, Christopher Tran, o advogado do governo federal, disse que a administração cumprirá a decisão – mas que o Ministro da Imigração, Cidadania, Serviços para Migrantes e Assuntos Multiculturais consideraria “se deve exercer um poder pessoal de cancelamento”.

Em resposta, o juiz Anthony Kelly deixou claro que gostaria de ser informado se o processo legal se arrastasse.

Kelly também confirmou que se Djokovic tivesse sido deportado, ele não teria permissão para voltar ao país pelos próximos 3 anos.

Fonte: CNN Brasil