Policial comete duplo assassinato seguido de suicídio

0
52

Um policial militar cometeu dois assassinatos e em seguida cometeu suicídio, nesta segunda-feira (24). Os crimes que vitimaram a sogra e a ex-companheira do policial, ocorreram na localidade de Passo do Galvão, interior de Toropi, uma cidade de menos de 3 mil habitantes localizada próxima a São Pedro do Sul, na região central do estado.

Segundo a Brigada Militar, o policial de 29 anos teria atirado contra a ex-companheira, de 25 anos e contra a sogra, de 55 anos por volta das 16h20. Segundo informações preliminares, a mãe da ex-companheira do policial morreu no local. Já a ex-companheira foi atingida e encaminhada para atendimento médico, porém não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital de São Pedro do Sul.

A Polícia Civil que investiga o caso, informou que ele já teria feito ameaças a ex-companheira no início do mês de maio, após ela ter entrado na justiça solicitando o pagamento de pensão alimentícia. O boletim de ocorrência chegou a ser confeccionado, mas ela não solicitou medidas protetivas.

Ele teria ido na casa da ex-mulher visitar a filha do casal, que tem pouco mais de um ano. O casal estaria separado desde agosto de 2020, após cerca de quatro anos de relacionamento. O policial estava lotado na região metropolitana.

Após atirar nas duas, o policial cometeu suicídio.

Com informações: Gaúcha ZH