Presidente Jair Bolsonaro filia-se ao Partido Liberal

0
131

O presidente Jair Bolsonaro se filiou, na manhã desta terça-feira (30), ao PL (Partido Liberal). A cerimônia aconteceu na sede do partido em Brasília e contou com a presença do presidente da sigla, Valdemar Costa Neto, e de integrantes do governo.

Bolsonaro foi eleito presidente pelo PSL em 2018 e deixou o partido em 2019. Na ocasião, chegou a articular a criação de um novo partido, a Aliança Pelo Brasil, que não passou da fase de coleta de assinaturas.

O PL é o nono partido da carreira política de Bolsonaro. Em três décadas, o atual presidente passou por PDC, PPR, PPB, PTB, PFL, PP, PSC e PSL. Bolsonaro disse que não foi fácil optar pelo PL, tendo em vista propostas para entrar em outros partidos com os quais também sente afinidade.

Oficialmente, a pré-candidatura de Bolsonaro à reeleição ainda não foi lançada. Ele fez questão de ressaltar que o evento desta terça era exclusivamente um ato de filiação. “Não estamos aqui lançando ninguém a cargo nenhum. Um evento simples, mas de muita importância, a filiação, que é a passagem para que possamos pleitear algo lá na frente”, declarou.

“Nós temos um bem que está na nossa frente e não podemos desprezar, achar que ele não vai acabar nunca, um bem que nós devemos sempre zelar por ele, que é a nossa liberdade. Alguns extrapolam aqui, na região da Praça dos Três Poderes, mas essa pessoa vai ser enquadrada, vai se enquadrando, vai vendo que a maioria somos nós. E nós aqui, que temos voto em especial, é que devemos conduzir o destino da nossa nação”, disse Bolsonaro.

O novo partido chegou a anunciar a cerimônia de filiação de Bolsonaro para o último dia 22, mas teve de adiar o compromisso em razão de exigências do presidente sobre alianças nos Estados nas eleições de 2022.

Além dele, também se filiou ao PL o senador Flávio Bolsonaro, filho mais velho do presidente. Essa é a quarta legenda do senador, eleito pelo PSL em 2018. Flávio migrou para o Republicanos em março de 2020 e se transferiu de novo para o Patriota em maio deste ano.

Fonte: Rede Pampa