Conecte-se conosco

Cultura

Censo do IBGE 2022 continua em Panambi

Publicado em

em

Até o momento podemos verificar que Panambi é a cidade que teve maior aumento da população do Censo de 2010 até o Censo de 2023 com 13,83%, depois vindo Santa Rosa com 13,02% e Ibirubá com 12,55%.

Panambi ainda é a única cidade da nossa região que até o momento reduziu o coeficiente FPM, passando da faixa 2.0 para a faixa 1.8.

Já a cidade de Cruz Alta, Palmeira das Missões, Santa Barbará do Sul, Ajuricaba, Condor e Pejuçara reduziram o número de pessoas do Censo de 2010 até o Censo de 2023.

Lembramos que o Censo continua aqui em Panambi, durante o mês de Janeiro de 2023, com visitas dos recenseadores em torno de 143 domicílios e a conferência de mais ou menos 1000 domicílios que nas visitas dos recenseadores foram colocados como VAGOS com o apoio de Secretaria da Saúde.

Quem ainda não recebeu visita ou contato de nenhum recenseador, pode entrar em contato através de um telefone whatsApp disponibilizado 55 98104-1404 e falar diretamente com a equipe do Censo IBGE de Panambi agendando o horário de visita.

Qual a importância de responder ao CENSO do IBGE?

O Censo contribui para obter as tendências de nascimentos e mortes para a elaboração de estimativas populacionais; conhecer a população residente, de modo a embasar a formulação de políticas públicas; subsidiar a distribuição da verba federal de acordo com a população de cada cidade; balizar pesquisas acadêmicas, levantamentos jornalísticos e estratégias da iniciativa privada.

Em caso de dúvida sobre a identidade do recenseador, ligue para 0800 721 8181.

Todos as respostas são confidenciais e protegidas por sigilo, de acordo com a lei nº 5.534 de 14 de novembro de 1968. O IBGE só divulga informações para fins estatísticos, sem a identificação do informante.

Colabore com o Censo 2022. Receba bem o recenseador e responda ao questionário. Saiba mais em censo2022.ibge.gov.br.

Leia mais em: https://forbes.com.br/forbes-money/2022/11/brandvoice-censo-a-importancia-do-censo/

Fonte: Carline Horst – SB Comunicações / Forbes.com

Fotos: Prefeitura Municipal de Panambi

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cultura

Morre atriz Ilva Ninõ, aos 89 anos; relembre personagens marcantes

Publicado em

em

Morreu aos 89 anos nesta quarta-feira (12) a atriz pernambucana Ilva Niño, que fez sucesso por diversos trabalhos na teledramaturgia brasileira, como as personagens que interpretou em novelas como “Roque Santeiro” e “Senhora do Destino”.

Com mais de 50 anos de trabalho como atriz, Ilva acumulando folhetins na carreira desde a década de 1970. Ela chegou a dar vida a personagens de empregada doméstica, cangaceira, governanta.

Também venceu os prêmios de Melhor Atriz, no 1º Festival de Amadores Nacionais, em 1957, por seu papel na peça “O Auto da Compadecida” e por Contribuição à Arte, no Festival de Cinema de Triunfo, em 2018.

Atualmente, o público pode assistir à atriz em ação na reexibição da novela “Cheias da Charme”, da TV Globo. Ela interpreta Maria Epifânia, funcionária da cantora Chayene (Cláudia Abreu).

Relembre abaixo alguns personagens de Ilva Niño

Mina (Roque Santeiro) – 1985

Em um dos papéis mais marcantes na teledramaturgia brasileira, Ilva Niño intepretou a personagem Mina, que era empregada doméstica da protagonista Viúva Porcina (Regina Duarte).

Dona Bil (Senhora do Destino) – 2004

Em 2004 na novela “Senhora do Destino”, Ilva interpretou a personagem Dona Bil, Vizinha de Maria do Carmo (Carolina Dieckmann) no Nordeste.

Marli (Sete Pecados) – 2007

Em “Sete Pecados”, a personagem Marli (Ilva Niño) vive magoada com a ingratidão de Beatriz (Priscila Fantin), já que foi empregada da sua casa e ajudou a criá-la.

Cândida (Cordel Encantado) – 2011

Mãe do cangaceiro Capitão Herculano, Ilva Niño viveu a cangaceira Cândida, em “Cordel Encantado”, novela de 2011.

Maria Epifânia (Cheias de Charme) – 2012

Em “Cheias de Charme”, a personagem Maria Epifânia chegou a prestar seus serviços para Chayene (Cláudia Abreu) duas vezes, como empregada doméstica e parteira.

Cleide (Saramandaia) – 2013

Além dos diversos papéis como empregada doméstica, a atriz deu vida à governanta Cleide, no remake de “Saramandaia”, exibido em 2013.

Damiana (Malhação) – 2016

Na trama juvenil de 2016, Ilva Niño deu vida à Damiana, avó da protagonista Joana (Aline Dias).

Fonte: CNN

Por Observador Regional

Continue lendo

Cultura

Sonda chinesa decola da Lua com amostras do lado oculto

Publicado em

em

A sonda chinesa Chang’e-6 decolou com sucesso da Lua carregando amostras coletadas no lado oculto do satélite terrestre, informou nesta terça-feira (noite de segunda em Brasília) a imprensa estatal daquele país. “O módulo de ascensão da sonda chinesa Chang’e-6 decolou da superfície lunar na manhã desta terça-feira, carregando amostras coletadas no lado oculto da Lua”, afirmou a agência estatal de notícias Xinhua, citando a Administração Espacial Nacional da China (CNSA).

Este evento é definido pelo meio de comunicação como ‘um marco sem precedentes na história da exploração humana da Lua’. A sonda Chang’e-6 alunissou no domingo na imensa bacia Aitken, uma das maiores crateras de impacto conhecidas no sistema solar, situada no lado oculto do satélite, segundo a CNSA.

A nave, que iniciou em 3 de maio uma complexa missão de 53 dias, conta com um braço robótico para coletar material da superfície e um perfurador para colher amostras do interior. Uma vez coletado este material, ‘uma bandeira nacional chinesa carregada pelo módulo de alunissagem foi hasteada pela primeira vez no lado oculto da Lua’, disse a Xinhua.

Os cientistas consideram que esta parte da Lua, nunca visível da Terra, possui um grande potencial para a pesquisa, pois suas crateras não estão tão cobertas por antigos fluxos de lava como as do lado mais próximo ao planeta. O material coletado pela sonda chinesa também pode fornecer pistas sobre como a Lua se formou.

Fonte: Correio do Povo

Por: Observador Regional

Continue lendo

Cultura

Turismo em Ametista do Sul sofre com cancelamentos em massa devido a enchentes no RS

Publicado em

em

Até o início de maio, Ametista do Sul estava movimentada com turistas, reservas de hospedagem até o fim do ano e muitos ônibus turísticos. No entanto, as enchentes em outras regiões do Rio Grande do Sul causaram cancelamentos em massa de visitas turísticas, impactando gravemente a economia local. Empresários como Andressa Zatti relatam uma redução de 80% nas excursões, com muitos turistas vindo de áreas afetadas pelas enchentes, aumentando o medo e a insegurança sobre viajar para o RS.

Andressa Zatti, que administra várias empresas de turismo, está focando na venda online de produtos para compensar as perdas e ajudar os afetados pelas enchentes. O secretário de Turismo, Alcindo Zilch, alerta sobre o impacto econômico e a necessidade de medidas de socorro financeiro para os empresários locais, que podem enfrentar endividamento devido ao declínio do turismo.

Para mitigar a crise, a Associação de Desenvolvimento Turístico de Ametista do Sul (ADTA) está intensificando a divulgação de que a cidade está funcionando normalmente e participando de eventos turísticos, como a Feira de Negócios Turísticos Mercosul. A expectativa é que a demanda comece a se recuperar a partir de setembro, com a esperança de normalizar as visitas até julho.

Com informações de Márcia Ferreira, Jornal O Alto Uruguai

https://www.observadorregional.com.br/turismo-em-ametista-do-sul-sofre-com-cancelamentos-em-massa-devido-a-enchentes-no-rs

Continue lendo